Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Honestidade.

por Fernando Lopes, 25 Nov 14

Neste tempo estranho em que tudo e todos são alvo de suspeição, em que a já reduzida confiança nas instituições, empresas, homens públicos, é abalada todos os dias, um pequeno acto de honestidade pode parecer algo singular e simultaneamente espantoso, devolvendo por um momento fé na espécie humana.

 

A estória conta-se em duas penadas. O comando da garagem vinha manifestando desobediência ocasional ao seu portador, este vosso criado. Como em qualquer situação idêntica e dada a multiplicidade de tipos de pilhas existentes – não estou certo que tal não seja propositado para nos confundir – dirigi-me a uma daquelas lojas de chaves, comandos e afins. Sou atendido por um jovem barbudo e aloirado com pronúncia brasileira e explico o problema. Abre cuidadosamente o aparelho, retira a pilha, mede-lhe a corrente e sentencia:

 

- A pilha está nova, está tudo a funcionar, provavelmente o comando deu um queda que deslocou a pilha ou algum contacto. Verifiquei, limpei, está tudo bem, pode levar, não lhe vou cobrar 2,5 euros por uma pilha nova quando esta está com 80% da carga.

 

Agradeci e vim dali a pensar como tudo seria tão mais simples se as nossas relações, comerciais ou outras, sofressem, como este jovem rapaz, do «síndrome da honestidade».

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

O «chinês» da Rua da Boavista.

por Fernando Lopes, 4 Jul 14

Passo por uma «loja do chinês» na Rua da Boavista para satisfazer um desejo da criança; comprar bolas de ping-pong para jogar com as raquetes de praia. Deparo com um cenário único: ao lado do balcão três idosas sentadas em cadeiras de praia, em amena cavaqueira. Dão conselhos sobre o que comprar, parecem ser habitués. Acho encantador o convívio e a informalidade daquele bando improvável de octogenárias e uma comerciante asiática. Saio sem saber quem é útil a quem. Servem as senhoras de tradutoras? Intercâmbio cultural? Centro de dia ou prova provada que a paciência de chinês é muito mais que um mito?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Anónimo

    Não volta?!Vá lá...Escrever faz bem...e ler também...

  • Anónimo

    Que será feito do gerente desta coisa?Filipe em es...

  • Henedina

    Bom ano Fernando. Beijinho

  • Alice Alfazema

    Olá Fernando!Passei para te desejar um Feliz Natal...