Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Olhos nos Olhos. (III)

por Fernando Lopes, 25 Jan 14

Até agora tinha sido fácil, tinha escrito sobre pessoas que conheço para lá do olhar. Não é este o caso, a henedina surgiu nas caixas de comentários há uns dois meses atrás. Coloca-me um desafio novo, adivinhar quem e o que está nesse olhar. Há ternura e melancolia nestes olhos, uma certa altivez e firmeza. De qualquer forma, posso estar enganado. Já aconteceu. Obrigado, henedina. Olhos nos Olhos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

5 comentários

De henedina a 26.01.2014 às 21:32

Fernando, a altivez não tirou daqui mas da foto que anda pela net...batota. O resto, tem razão eu tinha sido miraculosamente poupada a ciber...Aqui foi logo a seguir (e estava em directa de 24h). Mas, achei que nenhuma mulher ia ser tão "estúpida" ou "corajosa" para lhe enviar os olhos.
Quando não estão tristes, como aqui, o que até acerca de 1 ano era a maior parte do tempo, e há-de voltar a ser, os meus olhos sorriam muito. Num blogue li que o diametro da pupila é a única coisa que uma mulher não finge (era bloguer homem, claro). Tenho, muitas vezes, midriase.

De Fernando Lopes a 26.01.2014 às 22:04

Henedina , não minto, nunca faço batota, não vi fotografia sua em lado nenhum, excepto esta. O interessante deste exercício é precisamente «adivinhar». Ao contrário do mito amplamente divulgado, os homens também têm intuição. :)

De henedina a 26.01.2014 às 22:59

A foto aparece quando abre o meu email e para lhe enviar usei(referi foto net para não escrever isto), de forma sub-liminar viu a foto. E, nessa foto eu estou altiva, mas é a foto que uso em sítios que quero parecer altiva. E, sim os homens tb são intuitivos. Acho que a analise dos olhos, destes neste momento não esta nada má. O cansaço, as vezes, pode ser confundido com melancolia, mas aqui acho que estava mesmo triste.

De Fernando Lopes a 26.01.2014 às 23:27

Como software de email uso o Mozilla Thunderbird, que não tem essas momices do Outlook ou similares. Acredite que nada vi além do que aqui está, disponível para todos. Não é a melancolia um forma poética e duradoura de tristeza?

De henedina a 27.01.2014 às 00:48

O seu post está perfeito.

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...

  • Anónimo

    Não volta?!Vá lá...Escrever faz bem...e ler também...

  • Anónimo

    Que será feito do gerente desta coisa?Filipe em es...