Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

MacGyver.

por Fernando Lopes, 18 Ago 14

Este fim-de-semana tive por companhia um casal amigo e os filhos. O pai é um tipo de estatura média, nem gordo nem magro, careca a despontar e sorriso franco. Diz o que pensa sem fosquinhas, uma bela base para estabelecer amizade. Ficou decidido que faria os churrascos, porque também ele um incondicional da boa mesa e boa pinga. Começou a tratar das brasas, faltando no entanto um abanico.

 

- Se não te importas, procura nos arrumos. Não te assustes por estar tudo num caos.

 

Vinte minutos passados, nem sinal do visitante. Desço ao jardim e vejo um monte de lixo cá fora e tudo muito limpo e arrumado.

 

- Aproveitei para arrumar isto e já encontrei o abanador.

 

Dedicou-se depois à canalização, tendo-se proposto substituir um cano velho de uma pia, tarefa que realizou com rapidez e eficácia. Como a velha mesa exterior de refeições estava a precisar de uns ajustes, logo a desmontou, apertou aqui e ali, deixando-a operacional para mais uma temporada.

 

Como sou um desastre em bricolage, pouco mais ajudei que a fazer de «chega-me isso». Se ficasse mais uns dias lá por casa estou certo que me renovaria o casebre por completo. Fiquei ali, embaraçado e aparvalhado, sem saber se havia de lhe pagar em pão e vinho, passar um cheque ou contratá-lo como supervisor de obras. Pelo sim, pelo não, vou passar a semana a treinar aperto de parafusos, montagem de canos e afins.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

8 comentários

De Cenourita a 18.08.2014 às 22:18

A partir dos "Vinte minutos passados...", parti-me a rir a imaginar o filme! 

De Fernando Lopes a 18.08.2014 às 22:22

Porquê esta crueldade com os totós como eu? 
Image

De Cenourita a 18.08.2014 às 22:35

Nada de crueldade! 
Vamos apostar que esse amigo não conseguiria descrever/contar a cena tão bem?
Se fossemos todos iguais e com as mesmas aptidões, esta coisa da vida, não teria graça nenhuma 
Image

De Fernando Lopes a 18.08.2014 às 22:47

Grato. Já me sinto melhorzinho. :)

De bloga-mos a 19.08.2014 às 13:01

Em tempos tentei montar um móvel daquela coisa sueca em casa de uma amiga que tinha um braço engessado. Desisti com a desculpa de que faltavam peças...

De Fernando Lopes a 19.08.2014 às 15:13

Obrigado pela partilha. Tranquiliza saber que não sou o único néscio.

De bokeh a 19.08.2014 às 20:32

sempre me disseram que não tinha jeito para arranjar amigos....tem de nos dizer como é que se faz Image

De Fernando Lopes a 19.08.2014 às 21:18

Conselhos não tos posso dar. O meu núcleo duro de amigos remonta à escola primária, a adversidade é que nos uniu já que andávamos num colégio privado, antes do 25 de Abril, e todos os dias levávamos porrada de criar bicho. Outras vieram, umas floresceram e mantém-se, outras murcharam naturalmente. 


P.S. - Tenho espreitado em silêncio os teus «bonecos» e gosto bem deles.

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...