Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Compreender a dinâmica da coisa.

por Fernando Lopes, 22 Dez 16

Estou ao balcão da confeitaria onde tomo o pequeno-almoço. Entre e sai gente apressada, comendo uma bucha antes de ir trabalhar. A patroa sai da caixa – gosto especialmente dos patrões que raramente saem da caixa – e dirige-se a uma rapariga brasileira que está a lavar louça do pequeno-almoço:

 

- Tens de ir às mesas, olhar para quem chega, compreender a dinâmica da coisa.

 

Sorrio para com os meus botões, o mundo do trabalho é igual em todo o lado. Antigamente bastava que entendesses a fundo do que fazias e o fizesses bem. Hoje é preciso que, complementarmente, dances conforme a música que toca, se possível com um sorriso. Na novilíngua chama-se «compreender a dinâmica da coisa».

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

18 comentários

De lucilia a 22.12.2016 às 22:03

Olá Fernando -....ai estou tão fartinha de "compreender a dinâmica da coisa" ai tão fartinha. As nossa "dinâmicas" que importância têm?
Beijinho -Feliz Natal

De Fernando Lopes a 22.12.2016 às 23:20

Lucília, somos obrigados a compreender dinâmicas inexistentes ou mal-paridas, é assim que a coisa funciona. As nossas podem esperar.


Beijo e Bom Natal

De alexandra g. a 22.12.2016 às 22:15

Quanto à "dinâmica da coisa", PIM!, que eu não sou de delongas.
Passado o assunto, raios!, mas quem consegue, raios#2!, pequenalmoçar fora de casa, hem, hum?

De Fernando Lopes a 22.12.2016 às 23:22

O meu acordar é muito similar à parida de uma corrida de 100 metros. Daí, bebe-se uma meia-de-leite e um pão com manteiga o mais próximo possível do trabalho. E depressa. ;)

De Fernando Lopes a 22.12.2016 às 23:23

Era partida, mas parida também não é meu.

De alexandra g. a 22.12.2016 às 23:28

Bien, sou refilona, sans douute, mas também passo tempos sem um pio (a parte engraçada é que quem me conhece bem fica preocupada com o silêncio :)

o pequenalmoçar em casa é fundamental, no matter what, 'cos there is, all will be, this thing about 'the place' :D

De Fernando Lopes a 22.12.2016 às 23:32

Não sou de manhãs felizes. Acordo o mais tarde possível, levo a miúda ao colégio, insulto metade dos condutores pelo caminho. Antes das 10:00 sou irascível, depois melhoro um bocadinho. 

De alexandra g. a 22.12.2016 às 23:43

"Não sou de manhãs felizes. Acordo o mais tarde possível, levo a miúda ao colégio, insulto metade dos condutores pelo caminho. Antes das 10:00 sou irascível, depois melhoro um bocadinho. "

Tão giro (desculpa-me, mas é :), vendo-me aos 50 numa mansão horrorosa esvaziada das minhas filhas, que chegam a espaços, sabendo o que sempre soube:

(sou de manhãs felizes e preferencialmente lentas, comida antes da higiene, nada de insultos no trânsito - levei meses até perceber onde se situava a buzina, neste popó :) - excepto os mentalmente formados & lançados (resulta, acredita :) durante o desemprego dos dias...)

com o tempo, a minha calma acentuou-se e resulta, o que não significa que deixei de guerrear, antes pelo contrário :)

De Fernando Lopes a 22.12.2016 às 23:46

São feitios. Já entro no carro com a faca nos dentes.
Image

De alexandra g. a 22.12.2016 às 23:48

tãomautaomau Image

De lucilia a 24.12.2016 às 00:25

Fernando -permita-me dizer-lhe, o Fernando nunca teve manhãs infelizes (e fico por aqui...quem sabe um dia lhe esmiuçarei isto) daí os seus acordares estrebuchados.
Acordo e logo existo, aprumo-me  para a "dinâmica da coisa". Demoro 9 m de carro a chegar ao "estaleiro" ponho o CD do Ney Matogrosso e ouço, muito alto, a "O Tempo não pára" assim mantenho a minha sanidade mental para os que andam aqui sem, por um segundo que seja olharem pra dentro deles.

De Fernando Lopes a 24.12.2016 às 10:05

«Os que andam aqui, sem por um segundo olharem para dentro deles» é muito bom. Que bela maneira de pôr a coisa.

De Anónimo a 23.12.2016 às 10:45

Tenho o chateador hábito, para quem comigo está, de acordar com a genica de quem aspirou um grama de plutónio e quando levo com algum olhar repreensivo sai-me sempre "é notório que já tomaste os inervantes" o que leva de imediato a uma sessão de porrada de forte pendor sexocoiso.
Filipe do só faltam oito dias

De Fernando Lopes a 23.12.2016 às 19:16

Não quero meter-me com gajos que snifam plutónio. Até quando se peidam são perigosos. 

De Henedina a 24.12.2016 às 07:30

Pois...

De Henedina a 24.12.2016 às 07:38

Perigoso é para si. 
Hipertensão ate as 10h, perigo da acisente...risco de avc ou enfarte e despesa 365×2,5 gasta mais que um salário minimo
Ora aí esta uma coisa para mudar, e dar o exemplo a filha, em 2017

De Henedina a 24.12.2016 às 07:40

E engorda não tomar o pequeno almoço 
...
Deus! Ainda bem que a sua mulher não é medica ;)

De Fernando Lopes a 24.12.2016 às 10:09

Isso implica uma coisa que não sei fazer, acordar cedo, ter calma. AVC isquémico já tive, há 11 anos que tomo uma catrefada de pastilhas, mas está tudo controlado. Tive sorte, foi ligeiro, fiquei sem sequelas. Ah, a minha mulher é farmacêutica e eu teimoso como uma mula. :)

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Anónimo

    Não volta?!Vá lá...Escrever faz bem...e ler também...

  • Anónimo

    Que será feito do gerente desta coisa?Filipe em es...

  • Henedina

    Bom ano Fernando. Beijinho

  • Alice Alfazema

    Olá Fernando!Passei para te desejar um Feliz Natal...