Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Coisas que me deixam possesso…

por Fernando Lopes, 2 Jul 15

ir ao cinema, pagar bilhete, e ser obrigado a levar com vinte (20) minutos de publicidade depois da hora marcada para o início do filme. O monopólio da exibição cinematográfica propicia este tipo de abuso. Até sou do tipo «deixa andar», mas desta vez, se não estivesse com pressa, tinha pedido o livro de reclamações. Para o raio que os parta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

26 comentários

De Maria Mestre a 02.07.2015 às 19:33

A sério que foram mesmo 20 minutos de publicidade? Ainda por cima depois da hora marcada para o filme... Eu acho que era bem capaz de pedir o livro de reclamações ainda durante o tempo da publicidade.
Sinceramente eu compreendo que necessitem da publicidade, dá-lhes dinheiro e tal, mas a partir da hora marcada do filme já chega, as pessoas estão ali para ver o filme não publicidade. 
Beijos.
http://mariacrescida.blogspot.pt/

De Fernando Lopes a 02.07.2015 às 19:46

O horário dizia que a película começa às 15:50, começou de facto às 16:10. Absolutamente inacreditável. 

De Campos a 05.07.2015 às 16:21

Pagar bilhete e levar com publicidade já é muito mau... levar com publicidade depois da hora de início de sessão é um absurdo!

De Fernando Lopes a 12.07.2015 às 02:09

Completamente de acordo. Para desgraça já basta a imensa maioria dos espectadores.

De bloga-mos a 02.07.2015 às 19:33

Definição da vida: um gajo/a paga de alguma forma um bilhete para engolir publicidade foleira...

De Fernando Lopes a 02.07.2015 às 19:48

Cinema NOS. Só o anúncio ao NOS alive com Muse como música de fundo passou três vezes. Não há cu que aguente.

De Genny a 02.07.2015 às 21:14

ImageImageImageImage 

Irritante é dizer pouco!
E a mania das pipocas e afins dentro do sala?? óh tempo, volta para trás...

De Fernando Lopes a 02.07.2015 às 23:10

Dou-te inteira razão. Aqui no Porto, no Arrábida, havia um menu de cachorro, coca-cola e bata frita. Nunca percebi se iam ao cinema ver o filme ou enfardar. 
Image

De Pseudo a 03.07.2015 às 00:10

É por essas e por outras razões que o agregado familiar aqui do "castelo" praticamente deixou de ir ao cinema e usufrui maioritariamente do clube de video caseiro da Meo.

De Fernando Lopes a 03.07.2015 às 00:24

Quantos e quantos não fazem essa opção. Tecnicamente as televisões de hoje são excelentes, portanto já nem qualidade «visual» perdes.

De aprendiz de feiticeira a 03.07.2015 às 11:29

20 minutos passa o limite do absurdo. Mas as pipocas a serem ruminadas durante todo o filme é que me tiram muitas vezes a coragem de ir ao cinema!

De Fernando Lopes a 03.07.2015 às 11:49

Tanta gente pensa o mesmo que provavelmente era boa ideia promoverem sessões «pipocas free» para quem gosta verdadeiramente de cinema.

De Mãe Maria a 03.07.2015 às 12:48

a mim tb..mas se fosse só essa...

De Fernando Lopes a 03.07.2015 às 18:24

Confessa-te, afinal estás num lugar e purificação das almas...

De Carlos Azevedo a 03.07.2015 às 16:03

Tens que fazer como eu: perguntar quanto dura a publicidade e chegar quase no fim da mesma. Um abraço e boas férias.

De Fernando Lopes a 03.07.2015 às 17:10

Nunca te aconteceu perderes o início do filme? Esse é o meu medo.


Abraço e até já.

De Carlos Azevedo a 04.07.2015 às 02:46

Tenho que confessar que sim, mas poucas vezes. 
Abraço!

De Francisco a 05.07.2015 às 16:00

Ir ao cinema parece assunto já posto fora de causa por estas bandas. E, a última vez que fui já se perde na memória do tempo, por razões várias. Se tiver paciência de ler um post colocado, compreende-se uma das razões, ou várias, por que as salas de cinema deixaram de ser "convidativas". Porque, pagar por má qualidade de serviço,... Não, Obrigado!
http://ideias_ao_acaso.blogs.sapo.pt/61350.html

De Fernando Lopes a 11.07.2015 às 21:08

O que se perdeu e  me dói mais, foram as tertúlias improvisadas que se faziam após o filme. Discutia-se, trocavam-se ideias, via-se o filme com os olhos do outro. Isso, lamentavelmente, desapareceu.

De Maria Araújo a 05.07.2015 às 19:24

E tem razão em ficar possesso, porque eu também fico doida.
Agora, comecei a ir mais tarde um pouco.
É mesmo irritante.

De Fernando Lopes a 12.07.2015 às 02:10

Como dizia um velho amigo meu, de feitio belicoso: «Parto já esta merda toda.» :)

De O Homem Certo a 05.07.2015 às 21:18

Concordo contigo. Nós já pagamos o bilhete não devíamos gramar com os anúncios 

De Fernando Lopes a 12.07.2015 às 02:11

Principalmente quando os repetem em loop

Comentar post

Pág. 1/2

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...

  • Anónimo

    Não volta?!Vá lá...Escrever faz bem...e ler também...

  • Anónimo

    Que será feito do gerente desta coisa?Filipe em es...