Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Too Much Information (*)

por Fernando Lopes, 22 Dez 11


Portugal está a criar uma nova espécie de cidadãos. Os que se recusam a prestar atenção às notícias. Pessoas informadas, interessadas, perante a face monstruosa e incerta do mundo, decidem, pura e simplesmente, alhear-se. Este divórcio pode ser provocado pelo medo, falta de esperança, pelo absurdo com que somos brindados todos os dias nos media. Mas, não é por se ignorarem, que os factos deixam de acontecer. Uma comunicação social dirigida por grandes grupos perde algum do distanciamento crítico. Afinal, pelo que vemos do Público, também os jornalistas têm um emprego, uma vida a preservar. Num mundo em convulsão, a informação é a arma mais importante de que dispomos para nos defendermos, para anteciparmos o futuro. O alheamento é também ele um sinal de novos tempos. Que importa analisar e compreender.

(*) de uma música dos The Police

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

2 comentários

De O abominável careca a 22.12.2011 às 16:28

Boas,

Efectivamente ao sermos bombardeados diariamente com péssimas ou hediondas notícias, cada vez é maior a necessidade de desligar a TV nos noticiários ou simplesmente nem ler as gordas dos tablóides, para desse modo conseguir manter a cabeça o mais limpa possível e como diz o ditado "Feliz do ignorante..."
P.S.: Já agora para o meu aniversário adoraria receber uma t-shirt com uma mensagem igual...;)
Um abraço

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...