Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Direitos gay? Depende da conta bancária

por Fernando Lopes, 29 Dez 10

Ponto de ordem à mesa: Não sou homofóbico, nem anti-gay. Como diz um amigo meu, ser gay não é uma opção, nasce-se assim. Vêm isto a propósito de Elton John e o seu marido, terem recorrido a uma barriga de aluguer para serem pais. O desejo é compreensível, a metodologia inaceitável. Diz a notícia que tentaram adoptar uma criança ucraniana, mas a lei do país não o permite a pessoas com mais de 45 anos.
Ora o que sobra disto é um buraco legal, em que Elton John é demasiado velho para pai adoptivo, mas terá sempre direito a ser pai, haja milhares para pagar a uma barriga de aluguer.
Não creio que a criança vá ser homossexual por ter pais homossexuais, ou que isso influencie o seu modo de viver. Nem sequer tenho dúvidas que uma criança pode ser muito mais feliz numa família gay onde haja amor e compreensão do que numa família heterossexual desestruturada. Mas quantos casais gay na mesma situação não tem meios para conseguir o seu objectivo?
É basicamente uma questão financeira, o que é deprimente, e prova à saciedade, que os direitos gay, como outros, exercem-se em função da conta bancária de cada um. Triste, não?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...