Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

África minha

por Fernando Lopes, 12 Jan 11

Depois da escola, o regresso a casa. (S. Tomé) Clique para aumentar
A paixão por África estava no meu imaginário infantil. Pigmeus, animais selvagens, gente simples e desprendida, os grandes espaços, a natureza luxuriante.
Como diz Miguel Sousa Tavares, outro apaixonado por África "Nem sempre viajei para sul, mas nada vi de tão extraordinário como o sul."
O estranho em África e em particular nos PALOP, é que me sinto em casa. Partilhamos uma língua comum, pedaços de cultura.
O momento mais peculiar deste cruzamento de culturas, foi ver bacalhau no menu de um hotel em S.Tomé. Dos mares do Norte para S.Tomé, o percurso que aquele bacalhau fez !!!
Tenho planeado conhecer Moçambique, assim a minha filha cresça e a maldita crise passe.
 Um pensamento atravessa-me:
- Porque é que me sinto mais próximo de um cabo-verdiano, de um são tomense do que de um alemão, belga ou dinamarquês ?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...