Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Queria uma menina!

por Fernando Lopes, 18 Abr 13

Sempre desejei ser pai de uma menina. Tenho um único irmão, fui educado numa escola de rapazes, frequentei o Rodrigues de Freitas, último liceu do país a tornar-se misto. Na minha doce ilusão as meninas sempre foram seres delicados, frágeis, queridas e sossegadinhas. Puro engano. As raparigas de hoje ombreiam com os rapazes. Ao observá-la discretamente reparei que a minha santinha está entre as mais travessas da turma. Não é mal educada, mas distrai-se, cochicha, saltita como um cabrito. O meu anjinho está entre os mais irrequietos(as), que, coincidentemente, são raparigas. Se a(s) desafiam, fazem peito, refilam, tratam os machos como iguais até para oferecer pancada, coisa impensável para alguém da minha geração.

 

Levava uns sapatos novos que chegaram a casa rebentados depois de uma jogatina de futebol. Ao contrário da imagem paternalista que tinha do sexo feminino, as crianças de hoje sentem-se iguais, indiferentemente do sexo com que nasceram. Uma vez que a maioria dos universitários e doutorandos já são mulheres, a distinção entre os sexos é uma realidade que se esbate cada vez mais. Para a futura geração de homens e mulheres igualdade não será um conceito abstracto mas uma realidade com que conviveram desde o berço.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

8 comentários

De Alice Alfazema a 18.04.2013 às 20:49

Eu também era assim, sossegadinha, sossegadinha...até alguém se meter comigo, e isto já foi há bué. Sempre fui atípica. Um dia conto as minhas aventuras.

De Fernando Lopes a 18.04.2013 às 20:58

Eu é que tinha uma ideia idílica (ou geracional) das meninas, mas acho muito bem que se imponham. Quanto às tuas estórias , fico à espera.

De golimix a 20.04.2013 às 21:26

Olá.
Tem toda a razão, as diferenças entre os géneros esbatem-se, embora pense que diferenças sempre existirão, já que as mulheres são de Vénus e os homens de Marte. :)
Por acaso na turma do meu filhote também se passa o mesmo, e o engraçado é que naquela turma os bons alunos são todos rapazes.


Cumprimentos,


Lina

De Fernando Lopes a 20.04.2013 às 21:41

Igualdade na diferença agrada-me. Quanto aos estudos, são essencialmente trabalho, e a níveis superiores tenho a ideia que as mulheres, no geral, são mais metódicas, organizadas e trabalhadoras. Quase 70% dos licenciados são do sexo feminino.

Abraço.

De golimix a 21.04.2013 às 19:22

Tirando algumas excepções, tem razão, as mulheres são mais metódicas sim. Mas isso talvez se explique com o facto de terem que cuidar durante anos das crianças, dos maridos e ainda ter às sua mãos a gestão do lar e se fosse preciso ainda dar o seu contributo no trabalho agrícola, ou em outro. Talvez isso as fizesse tornar-se mais metódicas.

Boa semana

De Fernando Lopes a 21.04.2013 às 19:39

As razões podem ser culturais, genéticas, ou ambas. Talvez por isso consigam ser multitarefa , ao contrário de nós homens. Certo é que o futuro é vosso e ainda bem.

Boa semana.

De golimix a 21.04.2013 às 19:42

Quanto a isso vou contradizê-lo. O futuro será dos homens e mulheres cuja alma permaneça livre! O futuro é nosso!

Boa semana

De Fernando Lopes a 21.04.2013 às 20:15

A minha vénia e acordo.

Abraço.

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...