Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Não tenho jeito para bricolage

por Fernando Lopes, 15 Out 12

Já ouvi imensas mulheres queixarem-se da comparação com as sogras, essas fadas do lar que mimaram os seus filhos de modo desleal. Sou vítima desse síndrome. Não o da perfeição maternal, mas o do sogro habilidoso. Confesso-me uma nódoa para tudo o que seja arranjos. Não sei nada de pichelaria, soalhos, persianas, caldeiras e afins, ao contrário do pai da minha mulher, um faz tudo, mestre do bricolage, que me persegue como um espectro. A T. acha que estas qualidades são inerentes a todo o espécime que use calças. Olha para mim de modo apiedado e reprovador enquanto me observa a tentar arranjar algo que ficará inevitavelmente pior. Descansem senhoras, a comparação com os progenitores também existe no masculino. Estou convosco e entendo o vosso sofrimento.

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De Cláudia Neto a 18.10.2012 às 00:27

hahahaha chorei a rir.
Querido amigo tens um grande companheiro que te entende nesta minha casa! Querida T. como te entendo ! hehehehe

De Fernando Lopes a 18.10.2012 às 01:23

Mas esse é habilidoso! Não faz ideia do que é ter este tipo de deficiência motora.

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...