Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quando se avariou a caldeira, a de cobre é que era. Ah porque coisa e tal , é melhor e se furar dá para arranjar e assim...

 

O computador:

 

- E então é um problema de hardware?

- Sim, é preciso uma placa gráfica nova e coisa e tal e assim assado.

 

Porque é que os preços são sempre no limite do "veja bem que não vale a pena comprar novo". Sou só eu que acho que há um bando de ladrões de porta aberta além dos que passam pelo Palácio de São Bento?

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De Ana A. a 12.09.2012 às 20:33


"veja bem que não vale a pena comprar novo".

"que" ou "se"?

é que a mim tem-me aparecido mais os do tipo:"isto não compensa arranjar, é melhor comprar um novo!!"

Mas claro, a conversa muda conforme seja um reparador ou um vendedor, cabe-nos a nós abrir os olhos e procurar muitos pareceres, pois como diz o ditado "em terra de cegos, quem tem um olho é rei" e a maioria de nós somos ceguinhos técnicos! ;)

Abraço

De Fernando Lopes a 12.09.2012 às 21:28

De facto, é variável conforme seja vendedor/reparador ou só vendedor. Neste caso a coisa é sofisticada: paga-se o orçamento que é descontado na factura. Como eles arranjam as peças mais baratas, quase não vale a pena correr o risco de uma reparação caseira. Os comerciantes portugueses são muito criativos! ;)

Abraço

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback