Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

2 comentários

De Fenix a 11.08.2011 às 18:12

Fernando,

Grão a grão enche o Estado o papo!

E enquanto faz de conta que poupa, vai abrindo mais os horizontes do sector privado, até que finalmente chegaremos ao statu quo de 24 de Abril de 1974.

Abraço
Ana

De Fernando Lopes a 11.08.2011 às 19:27

Ana,

Acredito que haja despesismo na saúde como em muitas áreas do estado. Retirar comparticipações ridículas para poupar 0,44% do total da despesa é ainda mais ridículo.
No entanto as mordomias e os super assessores continuam. Eu, que confesso, sou um bocado burro, tenho alguma dificuldade tem perceber tanta medida simbólica e tão pouco impacto financeiro.
Será que não passarão do simbólico (que lixa os tesos) para o mundo real? O facto de os dividendos ficarem fora dos cortes de 50% previstos para o rendimento do trabalho é para mim incompreensível. A pena poupança ainda posso aceitar, agora dividendos?

Enfim, é o que o povo português escolheu.

Abraço,
Fernando

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback