Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

À escuta.

por Fernando Lopes, 18 Out 12

Doente, fiquei em casa. Sozinho, pus-me à escuta. Ao longe a sirene de uma ambulância. O ladrar do cão das vivendas em frente. O choro de um bebe. Alguém, por cima, usa um aspirador. Sente-se o elevador em movimento, caminhar, o som abafado de uma porta a bater. Estamos sempre a criar o nosso ruído, temos necessidade de ligar rádio, televisão, falar, nem nos damos tempo de ouvir os outros. No prédio, como na vida, às vezes é melhor escutar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Anónimo

    Que será feito do gerente desta coisa?Filipe em es...

  • Henedina

    Bom ano Fernando. Beijinho

  • Alice Alfazema

    Olá Fernando!Passei para te desejar um Feliz Natal...

  • alexandra g.

    Mexe-te, há um monte de coletes blogueiros à tua e...

subscrever feeds