Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Partidarização esperada

por Fernando Lopes, 4 Mar 11


O purgatório, velho como é, tinha alertado para a partidarização da manifestação da "geração à rasca", aqui. Claro que todos os líderes partidários vão aparecer como "cidadãos". Garcia Pereira foi o primeiro, segue-se Jerónimo de Sousa e discretamente também aparecerá Louçã. É por isso que não vou, embora solidário com os jovens. É que, do alto dos meus 48 anos, já cheguei a uma idade em que não posso ser visto em companhias duvidosas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De Fenix a 04.03.2011 às 19:34

Fernando,

Quantos mais melhor! Desde que não seja para apoiar o neo-liberalismo...

;)

Abraço
Ana

De Fernando Lopes a 04.03.2011 às 19:45

Ana,

Na essência de acordo, mas profundamente triste pela apropriação partidária de um movimento de cidadãos.
Os partidos são lugares mal frequentados, e basta ver a aflição do Pacheco Pereira quando um movimento deste género se mostra "contra" os partidos.
Já aqui discutimos a partidocracia e o voto útil, e Ana, minha amiga, aqui tenho de discordar de si. A verdadeira força do movimento seria testada se os partidos se auto-excluíssem. Assim, aquilo vai estar cheio de militantes e não de cidadãos. E desculpe, mas um militante é um cidadão amputado do seu maior valor, a individualidade. Mas eu sei que poucos concordarão comigo.

Abraço,
Fernando

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...