Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Censura-me que eu gosto ...

por Fernando Lopes, 12 Fev 11

Interessado na política, ontem, estive atento ao "Expresso da Meia Noite", procurando entender o alcance e o objectivo da futura moção de censura do BE.
Nada, népia, nicles, neribi, niente. O deputado João "Gant" Semedo, defendeu a moção com conforto idêntico a que me sujeito ao toque rectal. Analisadas as coisas aquilo parece-me um repente do camarada Louçã, que os seus discípulos, apanhados de surpresa, foram obrigados a seguir.

O partido dos professores deu explicações titubeantes perante perguntas pertinentes. "Não estão vocês, ao fazerem uma moção de censura a prazo, a apoiar os especuladores contra quem tanto vociferam?". Resposta: Os juros da dívida têm continuado a subir. Pois, pois, e a moção de censura é o objecto político ideal para os ajudar a descer, acrescento eu.

Mas a crème de la crème, veio do deputado José Manuel Pureza. Sei que ele é professor, não sei do quê, mas digo já: Pobres alunos!!
Ei-lo em todo o seu esplendor:
"Nós não abriremos o caminho para uma solução de direita na política do país e com esta moção em concreto, com aquilo que ela vai ser do ponto de vista da análise que leva a esta censura, tornaremos muito claro, e quero dizê-lo sem qualquer equívoco, que a nossa crítica política é às medidas que têm um conteúdo de inspiração liberal, uma inspiração política de direita, e que têm sido responsáveis pela penalização da grande maioria da sociedade".

Censura-me que eu gosto ...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

9 comentários

De pedro a 12.02.2011 às 14:25

Esta intenção de apresentar uma moção de censura nesta altura do campeonato é no minímo descontextualizada devido ao simples facto de nenhuma força com representação parlamentar estar interessada em governar ou liderar seja o q for. No entanto pr espanto geral e gáudio de alguns eu sou possuídor da panaceia pr este país, só n posso revelar no teu blog prq como sabes a secreta pode andar por aí...:)
Um abraço!

De Fenix a 12.02.2011 às 16:31

Fernando

Não seja mau e para a próxima faça a tradução. :)

Já agora: então o ideal não será todos termos dinheiro para vestir Gant (claro desde que isso não implique trabalho escravo e infantil, noutras paragens).

A verdade Fernando, é que estamos num deserto de ideias para governar Portugal, e é muito triste, agora que temos o direito ao voto, que durante tanto tempo nos foi negado, queremos utilizá-lo e não sabemos em quem.

Mas não desmoralizemos, pois as estruturas políticas e sociais, têm um princípio um meio e um fim, é só aguardar pela sua implosão.

Abraço
Ana

De Fernando Lopes a 12.02.2011 às 19:08

Pedro,

O Campo Pequeno, não!!
Eu sei que para grandes males, grandes remédios, mas ... sou contra a violência.

Abraço,
Fernando

De Fernando Lopes a 12.02.2011 às 19:14

Ana,

Eu e o João "Gant" Semedo, já tivemos uma pequena discussão sobre o uso público de roupa de multinacionais americanas, elaboradas com mão de obra infantil e escrava chinesa, como a Ana, a da têxtil, bem sabe.

Percebe agora a minha desilusão com as presidenciais e as ideias que trocamos na altura?

É que com estes partidos e estes líderes não vamos lá ...

Por último, faço minha a sua esperança.

Abraço,
Fernando

De pedro a 12.02.2011 às 23:28

Caro Zé
Qual campo pequeno,qual quê! As minhas soluções vão um pouco mais além de simples acções punitivas, mas isso depois conto-te c/mais detalhe! E cuidado q eles já andam por aqui...

De Rui a 12.02.2011 às 23:29

Esta moção de censura não passa de uma manobra das habituais do BE que quando não tem assunto trata de inventar um. Como não se saiu nada bem nas recentes eleições trata agora de tentar fazer esquecer o desaire com uma das tontices habituais. Os portugueses no entanto já notaram que o Bloco (Berlóque para os amigos) não passa de mais uma força politica em ´quase tudo igual às outras e em algumas coisas até mesmo pior do que algumas outras.
Um abraço Fernando.
Hoje finalmente consegui deixar um comentário mas tenho lido e gostado do que leio!

De Fernando Lopes a 12.02.2011 às 23:45

Caro Rui,

É um prazer ler-te por estas paragens.
Dá-me a sensação que o BE, metido no pântano das suas próprias contradições em vez de estar quieto, esbraceja. E quando num pântano se esbraceja ...

Abraço,
Fernando

De Dalaila a 13.02.2011 às 09:08

escreve que eu gosto! O bloco o que quis foi mais uns minutos da tv e que se fale deles. Mas esta moção é arrepiante o que mudou? Nada nada devia era ter sido à muito

De Fernando Lopes a 13.02.2011 às 11:52

Dalila,

Faço minha as palavras do professor Pureza, é uma moção contra tudo, e façam o favor de não nos levar a sério.
E eu quero aquilo que o Sócrates anda a fumar ... Está tudo bem, país maravilha ...

Beijo grande, afilhada!
Fernando

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...