Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Franganito

por Fernando Lopes, 11 Mai 11

Há sítios em que nos sentimos em casa. O Franganito é um deles. Tem a magia de ter nascido no mesmo ano do que eu. Não é, de certeza, coincidência. A D. Lisete mima-nos e atura-nos, o que convenhamos, não é fácil.  Cinco galfarros com piadolas e disparates durante 99,9% do tempo. Todos os almoços, toda a semana. O Ruben como o restaurante. Pequeno, eficiente, discreto. E a comida simples, tradicional, às vezes com um toque de exotismo, mas sempre, sempre deliciosa. Afinal a paparoca custa apenas 7 euros. Convenhamos que é o bem-estar a preços moderados.

Autoria e outros dados (tags, etc)

4 comentários

De Fenix a 11.05.2011 às 20:33

Fernando

Folgo em "vê-lo" relaxado...a postar assuntos comezinhos, pois claro, que um homem não é de ferro! ;)

Abraço
Ana

De Fernando Lopes a 11.05.2011 às 21:20

Ana,

A regra do purgatório é "não há regras". Como já deve ter reparado este blogue é um espelho da minha desorganização mental.
Hoje deu-me para partilhar o sítio do meu almoço.
Da políticas às angústias, do almoço ao sexo, é completamente aleatório.
Bem haja por me aturar.

Abraço,
Fernando

De O abominável careca a 11.05.2011 às 22:11

Ilustre,
Cá para mim das duas uma ou estás a fazer-te a umas refeições grátis ou então estás a ver se te calha uma nomeação de cliente do mês! Mas afinal onde raio fica o "Franganito"?! Um dia destes vou experimentar...
Saudações gastronómicas

De Fernando Lopes a 11.05.2011 às 22:55

Já sou da casa. na rua que vai dar à junta de Massarelos, basta descer até meio a rua do Convívio.

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback