Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O teste Gentil Martins.

por Fernando Lopes, 17 Jul 17

Almoço. Sento-me no restaurante habitual e peço sopa e bacalhau com espinafres. A meio da sopa sentam-se a meu lado quatro senhoras. Estranho o facto de estarem de óculos escuros dentro de um centro comercial. Olho melhor e apercebo-me que as sras. não são bem senhoras, ou não foram sempre senhoras, ou algo parecido. Das quatro só vejo nitidamente três. Duas são razoavelmente femininas, a outra parece um pugilista a quem depilaram e colocaram uma cabeleira e mini-saia. De forma clara é um work in progress. No restaurante tudo se passa dentro do maior civismo, staff e clientes agem com a maior das normalidades. Seria hipócrita se não admitisse que a situação nos causou alguma estranheza, mas nada mais que isso. Da parte de todos existiu urbana indiferença. Ninguém insultou, comentou alto, pensou que eram doentes. Portugal está muito mais tolerante na aceitação de pessoas transgénero que o Dr. Gentil Martins.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

Na boca do povo