Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Poderá Rui Moreira perder o Porto?

por Fernando Lopes, 30 Mai 17

Até há bem pouco tempo achava que não, considerava dar-lhe o meu voto pela primeira vez. Face ao pacóvio e salazarento edil anterior, Moreira foi uma melhoria notável pela sua urbanidade, abertura, respeito pela diferença. Ninguém se importaria de ter Pizarro na vice-presidência, o ex-controleiro do PCP tem o carisma de uma amiba. Parece que Rui Moreira quis escolher o seu vice. É uma opção, e como todas comporta riscos. O caso Selminho já andava a marinar há anos sem que se entenda exactamente o que está em causa. Se um terreno de mil e tal metros quadrados, se favorecimento. Perdeu o meu voto, como o perdeu há muito anos Fernando Gomes, porque tomou pose de príncipe. Esquece-se que a cidade a que preside é intrinsecamente burguesa, que os nobres eram proibidos de aqui ter residência permanente. Se há coisa que a gente não gosta é de malta a armar-se em fidalgo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Rui Moreira, o candidato imbatível.

por Fernando Lopes, 23 Abr 16

05130350b4b0f3c6c2111e49e6e4424f.jpg

 

Acordo e leio que o PS se predispõe a apoiar a candidatura de Rui Moreira à câmara do Porto. Pudera, Moreira tornou-se absolutamente imbatível. Depois de anos e anos a aturar o tétrico e bafiento Rui Rio e sua política salazarenta, poupadinha e autoritária, o novo presidente foi uma lufada de ar fresco.

 

A movida portuense que hoje atrai milhares à cidade nasceu contra Rui Rio. A street art que hoje nos rodeia, do D. Quixote do Rosário à velhinha em Miragaia, têm o beneplácito de Moreira. Há nele urbanidade, tolerância, capacidade de diálogo, uma visão para a cidade, tudo elementos de que carecia o ensimesmado Rio.

 

Na prática será eleito com 60% ou mais dos votos, nenhum partido à excepção do PCP e eventualmente o BE quererão associar-se a uma derrota anunciada.

 

Não votei em Moreira, que está a milhas ideológicas de onde me situo, ainda assim penso que tem feito um excelente trabalho. Precedendo Marcelo, trouxe à cidade e à política os afectos de que necessitamos, simplicidade, alguma ternura, empatia, fazendo cair no esquecimento o tenebroso legado da múmia que o precedeu.

 

Vai ser reeleito de modo avassalador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Anónimo

    Se fores à Manta Rota leva um cabaz de tabefes.Fil...

  • Fernando Lopes

    Caracóis só do mar ... búzios. Antes comiam-se na ...

  • Fernando Lopes

    Obrigado, e que o trambolho esteja bem longe.

  • Anónimo

    Uns caracolitos regados com uma loirinha cheia de ...