Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sou uma espécie de Dra. Ruth.

por Fernando Lopes, 11 Jun 15

Já aqui escrevi, que por algum estranho motivo, não há cão ou gato que não venha ter comigo quando o problema se refere a assuntos do coração. Serei um bom ouvinte, mas não sou racional ou sensato, antes fortemente emocional.

 

Homem de relações duradouras e com uma variedade tão escassa de parceiras sexuais que 90% dos miúdos do 9º ano me batem aos pontos. A questão é simples: porquê eu?

 

De qualquer modo decidi iniciar uma rubrica do género «Tu perguntas, o Fernando responde». Podem colocar-me as questões que quiserem, responderei o melhor que souber. A ver se estas almas penadas perdem a mania que estou qualificado para conselheiro sentimental.

Autoria e outros dados (tags, etc)

12 comentários

De golimix a 11.06.2015 às 20:36

Pronto, então cá vai:
Sossega homem, umas das minhas regras é não falar com mais ninguém sobre assuntos do coração que não seja o autor do problema. 

De Fernando Lopes a 11.06.2015 às 21:19

Tenho este karma há anos e anos. Quem quiser pergunte anonimamente, respondo como for capaz. 

De Corvo a 12.06.2015 às 08:54

Lamento, mas veio atrasado.
quaisquer questões que à temática concerne, já foram devidamente esclarecidas pelo Arrumadinho no seu Livro "Solteiros, Divorciados e Casados."

De Fernando Lopes a 12.06.2015 às 09:34

Qualquer badameco é "escritor" nos dias que correm.  E o tipo deve perceber da coisa, afinal é "Pipoco" por matrimónio. ;)

De Ana A. a 12.06.2015 às 10:28

Folgo em "vê-lo" neste registo! E como não padeço de males do coração, deixo-lhe um abraço! :)

De Fernando Lopes a 12.06.2015 às 11:02

Padeço, padeço, Ana. Não se pode transportar amor no peito sem que isso implique dúvidas, angústias, sofrimento. O coração é velho, mas sangra com o dos jovens.


Um beijo.

De Fernando Lopes a 12.06.2015 às 11:11

Queria dizer eu padeço, obviamente.

De bloga-mos a 12.06.2015 às 18:32

Padecimentos óbvios são a minha especialidade que resolvo em mim e nos outros padecentes com uma fórmula mágica ovo-colombiana...

De Fernando Lopes a 12.06.2015 às 18:53

Mau, mau. Ainda agora comecei e dizem-me que «O Arrumadinho» tem uma tese de doutoramento na cena, e depois vens tu tentar roubar-me o lugar? A concorrência está a ficar demasiado forte...

De bloga-mos a 12.06.2015 às 19:00

Considera-me um assistente quando não deres vazão às solicitações que se prevêem ...

De Fernando Lopes a 12.06.2015 às 19:04

Um aluno que suplanta o mestre. Vou fazer como aqueles médicos famosos que contratam assistentes geniais e ficam com o guito e o mérito. Estás contratado.

De bloga-mos a 12.06.2015 às 19:15

Dado o teu prestigio de mestre sem mestre que já se espalhou até Baião terei todo o gosto em fazer horas extras pro bono...

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback