Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ser feliz.

por Fernando Lopes, 6 Set 15

Um destes dias fizeram-me a pergunta mais desarmante que se pode fazer a alguém: És feliz? O que é que se responde a isto? Tentamos enganar-nos respondendo com banalidades, meditamos sobre a nossa pobre existência, tentamos encontrar a nossa felicidade através da dos filhos, o quê? Certo é que todos buscamos duas coisas essenciais na vida, amor e felicidade. Pode-se viver sem amor, pode-se amar e não ser feliz, acontece até nunca se encontrar uma coisa ou outra. A felicidade é momento fugaz ou estado de espírito que se prolonga? Isso de ser feliz varia de pessoa para pessoa? Por causa da minha constante insatisfação, vaticinou a avó, «hás-de ser infeliz toda a vida». Talvez avó, mas não vou desistir de a tentar encontrar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

33 comentários

De Suricate a 07.09.2015 às 10:15

Não acredito que ninguém seja feliz 24 horas por dia, aliás basta vivermos no mundo em que vivemos para não sermos felizes, basta sabermos olhar para o lado e percebermos o sofrimento que nos rodeia.
Em termos pessoais a minha felicidade  é feita de momentos. Estás a ver uma manta de retalhos?! É mais ou menos assim, vais cozendo os retalhos uns mais mal jeitosos que outros, outros que ficam até de pernas para o ar, outros têm cara que nunca caberiam ali, outros bocados de tecidos com cores lindas de morrer, quando chegas ao fim do trabalho é essa manta que te aconchega é ela que te dá conforto com retalhos (momentos) uns mais a direito, outros aos bicos (bons e maus, uns felizes, outros nem por isso) assim se faz a vida.

De Fernando Lopes a 07.09.2015 às 12:30

A imagem da «manta de retalhos» é boa. O problema é que já me vão faltando remendos para coser. :)

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback