Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rui Moreira, o candidato imbatível.

por Fernando Lopes, 23 Abr 16

05130350b4b0f3c6c2111e49e6e4424f.jpg

 

Acordo e leio que o PS se predispõe a apoiar a candidatura de Rui Moreira à câmara do Porto. Pudera, Moreira tornou-se absolutamente imbatível. Depois de anos e anos a aturar o tétrico e bafiento Rui Rio e sua política salazarenta, poupadinha e autoritária, o novo presidente foi uma lufada de ar fresco.

 

A movida portuense que hoje atrai milhares à cidade nasceu contra Rui Rio. A street art que hoje nos rodeia, do D. Quixote do Rosário à velhinha em Miragaia, têm o beneplácito de Moreira. Há nele urbanidade, tolerância, capacidade de diálogo, uma visão para a cidade, tudo elementos de que carecia o ensimesmado Rio.

 

Na prática será eleito com 60% ou mais dos votos, nenhum partido à excepção do PCP e eventualmente o BE quererão associar-se a uma derrota anunciada.

 

Não votei em Moreira, que está a milhas ideológicas de onde me situo, ainda assim penso que tem feito um excelente trabalho. Precedendo Marcelo, trouxe à cidade e à política os afectos de que necessitamos, simplicidade, alguma ternura, empatia, fazendo cair no esquecimento o tenebroso legado da múmia que o precedeu.

 

Vai ser reeleito de modo avassalador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

14 comentários

De Ana A. a 23.04.2016 às 11:04

Há casos em que a ideologia dos autarcas pode dizer muito pouco. Seria óptimo podermos confiar nos seu programas eleitorais e votar em conformidade. E, quando já há trabalho feito, nem precisam de fazer campanha para a reeleição.

De Fernando Lopes a 23.04.2016 às 11:16

Concordo, mas deve recordar-se que durante a campanha Rui Moreira falou várias vezes em preservar o legado de Rui Rio, coisa que como compreenderá assusta qualquer um. :)

De Ana A. a 23.04.2016 às 12:25

Eu como voto na Maia, confesso que não estive atenta a esse "pormaior"...

De Fernando Lopes a 23.04.2016 às 21:04

E que «pormaior»....

De Carlos Azevedo a 23.04.2016 às 12:31

Eu votei nele e devo dizer que ainda não me arrependi, o que é raro. Abraço.

De Fernando Lopes a 23.04.2016 às 20:56

O  meu processo foi o inverso. Resisti ao «independente», hoje votarei nele.


Grande, grande, abraço.

De Anónimo a 23.04.2016 às 13:20

Até o Pinto da Costa levava uma abada se o Sr. Moreira pretendesse um cadeirão de sonho lá para os lados das Antas...

De Fernando Lopes a 23.04.2016 às 20:58

Acredito. Sou portista, mas o Pinto da Costa não serve para mais nada além de presidente de clube, e mesmo isso....

De alexandra g. a 23.04.2016 às 18:54

Eu é que também queria um Vhils, aqui na vila. Por mim, poderia ser na mui ampla lateral esquerda da igreja, ali onde os lugares de estacionamento são poucos mas um deles está reservado para o senhor padre. A alternativa não seria menos modesta: a fachada - integral - do edifício de luxo da Câmara Municipal 


Image (dedicado a todos os que, no 'interior desertificado', tanto pugnam pelos derradeiros residentes & seus direitos inalienáveis - oh, a cultura! -  enquanto se movem em lustrosos automóveis de luxo daqui para fora...

De Fernando Lopes a 23.04.2016 às 21:04

Também pensei que fosse Vhils , que tem várias intervenções no Porto, mas é pintura de um puto. Mercedes e Porsche Cayenne são uma estranha forma de cultura prevalente do litoral ao interior. 


Vou ganhar coragem e amandar-te uma bejufa.

De alexandra g. a 23.04.2016 às 21:07

Vhils/Not Vihls, that wasn't the question :)


Long live Mercedes e Porsche Cayenne e Vihls e bejufas :D


ah, a cultura!




De Fernando Lopes a 23.04.2016 às 21:19

Image. OK, são lábios femininos, but then again, who cares? 

De golimix a 26.04.2016 às 19:59

Que o Porto está muito turístico, alegre e cultural é uma verdade.

De Fernando Lopes a 26.04.2016 às 21:53

O que mudou na cidade, é que a cultura e as artes ganharam um espaço, estatuto, e visibilidade diferentes. Também começamos a ter o turismo «Disneylândia», mas todos os grandes destinos o têm, veja-se Madrid, Barcelona, Lisboa, Paris ou Londres. 

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback