Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mensagem numa garrafa.

por Fernando Lopes, 21 Mai 16

Um amigo que muito prezo constatou com alguma ironia que este blogue frequentemente parece um muro de lamentações. É verdade que aqui exponho domesticidades, misérias, angústias, irritações. Encarem estes desabafos com alguma benevolência, como se numa garrafa bem fechada, acabasse de dar à costa mensagem de angústia ou desespero enviada não se sabe de onde, por alma desconhecida. Não interessa tanto quem a recebe, importa que a enviei.

Autoria e outros dados (tags, etc)

14 comentários

De miss X a 21.05.2016 às 23:11

São as angústias que fazem de nós melhores seres humanos.

De Fernando Lopes a 21.05.2016 às 23:25

Se isso corresponder à verdade serei um ser humano de excepção. :)

De alexandra g. a 22.05.2016 às 00:28

olha, fixe, por mor do amigo, poderei repôr as putas das malas?
foda-se, mas eu sou quem, afinal?

De Fernando Lopes a 22.05.2016 às 00:59

Podes repôr o que quiseres, mas no meu universo pequeno-burguês Vuitton não entra. Nós na classe média limita-mo-nos a umas Samsonites de 150 aéreos. Sabendo isto, não me vais foder as malas quando nos encontrarmos num aeroporto, certo? :)

De alexandra g. a 22.05.2016 às 01:04

Errado, vou foder-te as malinhas todas :)
É que, moi, viaja, quando pode, com um saco inca :))

De Fernando Lopes a 22.05.2016 às 01:11

O que é um saco inca? Um par de testículos de um inca? :)

De alexandra g. a 22.05.2016 às 01:12

Errado, vou foder-te as malinhas todas :)
É que, moi, viaja, quando pode, com um saco peruano comprado nira duma f
numa feira de rua, quando pode :)
Com sorte, de caminho, ainda te ofereço the labels :P

De Fernando Lopes a 22.05.2016 às 01:15

Não importa o que levas na mala, mas o que transportas na alma. Já googlei, podias ter dito que era uma espécie de mochila, saco inca é coisa de esquerdista.

De alexandra g. a 22.05.2016 às 01:18

gauche, gauche, sans doute, todollos dias, inteira, sem partido.

De Fernando Lopes a 22.05.2016 às 01:24

Me too.

De Anónimo a 23.05.2016 às 11:37

Este saco de comentários mais parece uma reunião do Bloco na sala do fundo do Gambrinus. Por falar nisso, Nando, estou cá com uma larica que não há legumes cozidos que me valham. Francesinha?
Filipe esfaimado

De Fernando Lopes a 23.05.2016 às 19:03

Francesinha agora só em dias de festa. Vão uns filetes de pescada e umas couves cozidas?

De redonda a 23.05.2016 às 22:58

Não o vejo assim de todo, não lamentações, mas observações, experiências, sentimentos, real, próximo, como se estivesse a falar à minha frente.

De Fernando Lopes a 23.05.2016 às 23:25

A ideia é essa, um espécie de conversa, desabafo, com um interlocutor invisível que no entanto nos escuta. Se é essa a tua opinião já vale a pena. :)

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    Um facto alegre, não deve cegar para os problemas ...

  • Anónimo

    Um desabafo triste num dia que, para mim também, d...

  • Fernando Lopes

    Obrigado, Henedina. Reúno uma qualidade essencial ...

  • Henedina

    E tenha...um bom dia!