Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As eternas seduzidas.

por Fernando Lopes, 11 Abr 15

Como já aqui escrevi, não só pela beleza, mas principalmente pela frontalidade, não há mulheres como as espanholas. As portuguesas acham sempre que as queremos levar para a cama, mesmo quando tal não é nossa intenção. Irrita-me que uma parte substancial do mulherio pense de modo cartesiano: estás a oferecer ombro amigo, logo queres saltar-me à cueca.

 

Uma mulher que pensa assim valoriza demasiado o efeito que um palminho de cara ou um rabo bem-feito têm num homem. Se há os topa-a-tudo, que cirandam de alcova em alcova com a calculadora na mão e a alegria dos parvos, convém que as mulheres não olhem para si mesmo como objecto de desejo permanente. Choque de realidade: não desejamos todas as mulheres que conhecemos e as mais das vezes uma cabeça arrumada é mais importante que uns jeans apertados.

 

Assim, fica a nota para quem a quiser: quando um tipo diz que se dispõe a apoiar alguém num momento difícil, muito provavelmente é só isso que pretende fazer.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

19 comentários

De Pedro Santos a 11.04.2015 às 00:21

Concordo contigo a 100%! Já vivi em Espanha e lá realmente as mulheres são diferentes.

De Fernando Lopes a 11.04.2015 às 02:15

Trata-se de uma menorização no papel de presa, tipicamente feminina. Sabemos nós bem que são sempre elas que têm a última palavra. Igualdade sem hipocrisia era bom, só para variar. 

De .. a 11.04.2015 às 00:41

Ainda, bem! Porque nunca penso quando nisso, quando tenho a pessoa como amigo verdadeiro. E sabe tão bem, alguém ouvir-nos desinteressadamente! É das coisas mais preciosas! Também, não lhe serviria de muito, era tiro e queda, para nem ombro, nem perna, nem nada!!! Mas acho que é uma questão de confiança em nós. De mentalidade também. Como, defendo, sem me enganar, que nem todas pensam assim, felizmente! Há pessoas com uma forma de estar aceitável e bonita a esse respeito! A ideia de que um homem e mulher não podem ser amigos sinceros e tem-se de partir mais tarde, ou cedo , para a amizade colorida é uma estupidez. É como tanta outra coisa que só acontece se as coisas não são assim tão lineares e exitir a intenção dúbia. Ou por ventura o coação intervir! Também já aconteceu das "dores" de cada um, partilhadas, nascerem paixões e até relacionamentos sérios. Um bfsemana Fernando para si e todos que ama!

De Fernando Lopes a 11.04.2015 às 02:21

Tenho para mim que numa relação de amizade homem-mulher há sempre um grau, mesmo que ínfimo, de tensão sexual. A animalidade precede sempre a racionalidade, embora tal possa não significar rigorosamente nada, como acontece na maioria das vezes.


Abraço.

De .. a 11.04.2015 às 00:44

Tanto erro. Não emendo porque acredito no corrector e depois sai asneira. Desculpe, acho que dá para entender, mesmo com as "calinadas!!!"ImageImage

De G. a 11.04.2015 às 15:46

Olhe que não, Fernando, olhe que não. Não generalize a coisa por nacionalidades, eu acho que é mais por regiões, senti o que diz qd vim para Lisboa.

De Fernando Lopes a 11.04.2015 às 19:14

Só pretendo exprimir a minha verdade, não ser dono dela. Opiniões divergentes são bem aceites nesta taberna. 

De G. a 12.04.2015 às 00:34

Nunca pensei o contrário :) apenas quis dizer-lhe que mesmo dentro de Portugal, as mulheres (e os seus pensares) são diferentes.

De Fernando Lopes a 12.04.2015 às 01:44

Obviamente que não se trata de uma análise científica mas de uma intuição, um saber de experiência feito. Mantenho no entanto que as portuguesas gostam de se fazer de vítimas dos sedutores, independentemente das geografias locais, e que as espanholas são deliciosamente igualitárias, jogando alternadamente e ao sabor dos seus interesses, o papel de presa e predador. ;)

De G. a 12.04.2015 às 08:25

Bom, não insisto :) alguma razão há-de ter, para pensar assim. Da minha parte, irmã de quatro homens e vinda das montanhas, vitima só mesmo da exploração laboral.


Abraço.

De Gaffe a 11.04.2015 às 21:27

Creio que a amizade entre um homem e uma mulher é o amor visto de perfil. Não vemos uma das faces, mas sabemos que ela existe.

De Fernando Lopes a 11.04.2015 às 22:28

A menina tem um modo profundamente feminino de ver o mundo, simultaneamente poético e prático. Gosto muito. 

De redonda a 13.04.2015 às 22:07

Humm, será?
Poderia pretender não ser assim e tentar não passar por um camafeu apelando para a minha costela espanhola (um trisavô ou  melhor uma tetravó, mãe dele, porque ele veio para cá bebé), mas entretanto li comentários anteriores e não sou a única a pensar que há mulheres portuguesas que não o pensam :)

De Fernando Lopes a 13.04.2015 às 22:33

Talvez as mentalidades estejam a mudar, pode ser provincianismo meu, ou simplesmente o facto se já ser um cota. Mas a percepção está cá.... Por acaso és redonda gutierrez? 

De redonda a 14.04.2015 às 22:53

Nop, o apelido que herdei desse "avô" foi "Beltran"

De Fernando Lopes a 14.04.2015 às 23:06

Temos sangue espanhol nas veias. Talvez isso explique certo modo de ver a vida e o mundo. Olé! :)

De redonda a 13.04.2015 às 22:10

Pode ter sido o bisavô bebé filho da trisavó...

De pimentaeouro a 15.04.2015 às 01:05

Gostei da prosa. Talvez a vitimizaçao feminina seja o reverso do machismo. Todos os machistas pensam que qualquer mulher quer ir para  cama.

De Fernando Lopes a 15.04.2015 às 08:12

Está bem visto, uma forma diferente de machismo. 

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Henedina

    E tenha...um bom dia!

  • Henedina

    Então parabéns...por ter lavado as cuecas, claro ;...

  • bokeh

    pois conheço....devo-me ter distraído com a jane b...

  • Fernando Lopes

    Lavei-as com grande dignidade, de saia curta e a c...