Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A roupa que vestes pode matar.

por Fernando Lopes, 25 Abr 13

"Pelo menos 238 mortos em prédio que fabricava roupa para a Primark e Mango."

 

Adenda: Recentemente discutia-se por estas bandas os efeitos nefastos da desindustrialização para a Europa. Seria aceitável perdermos algum do bem-estar adquirido se tal significasse a melhoria da qualidade de vida da população da Ásia e continente sub-asiático. Na prática só vemos escravatura, miséria e morte. Em simultâneo, grandes empresas e seus capatazes a engordar. Sempre à custa do sangue da maioria.

Autoria e outros dados (tags, etc)

5 comentários

De golimix a 26.04.2013 às 16:57

Pois mão de obra barata, sem condições de trabalho e direitos a zeros. Ora, não havia um senhor Belmiro que dizia que só assim há emprego?

Neste presente pode ver-se o futuro de muitos...triste..

De Fernando Lopes a 26.04.2013 às 17:46

Infelizmente, somos um pouco corresponsáveis.

De golimix a 28.04.2013 às 11:13

O mundo que estamos a criar, nem que seja de forma involuntária.

De Alice Alfazema a 26.04.2013 às 23:16

Seria sem dúvida o começo de um mundo mais justo.

Quando as empresas começaram a deslocar-se para os países chamados de emergentes e os preços de compra por cá começaram a baixar, uma grande maioria viu nisso uma coisa boa, mas outros foram sacrificados para que tal acontecesse, muitos empregos se foram, novos começos tiveram que ser trilhados, por vezes dificilmente. Não dou apreço a roupas feitas assim, sei que significam sofrimento e esmola. Sinto o que falo.

Bom fim de semana.

De Fernando Lopes a 27.04.2013 às 00:17

Great minds think alike.

Bom fim de semana.

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    Esta não é totalmente surda, ouve muito mal mas re...

  • alexandra g.

    Uma bela albina, poderia ser gémea da gata da minh...

  • Fernando Lopes

    Tu és de pouco alimento, a despesa suporta-se bem....

  • Anónimo

    Com a poupança que tens tido nos almoços comigo e ...