Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Divorciar-se para pagar menos IRS.

por Fernando Lopes, 19 Out 12

Com a pressão fiscal colocada sobre a classe média, há muito boa gente a aguardar a aprovação do OE para planear o divórcio. É-me dito por quem sabe fazer contas que em casos extremos a separação ou divórcio podem significar um ganho líquido de 200 €/mês. Não se admirem se em 2013 os "rompimentos" crescerem exponencialmente. Quando há casais a colocar esta hipótese está tudo dito sobre a exaustão fiscal.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

2 comentários

De Ana A. a 19.10.2012 às 18:49

Em tempos passados tive conhecimento de casos desses, por isso não me admira nada que agora aconteça com maior força. Mas a verdade é que cada vez mais as pessoas vivem em união de facto, e sendo assim declarar os rendimentos em conjunto ou não, é uma opção, mas como a maior parte está acorrentada à banca com empréstimos de compra de casa, vai ser mais complicado. Enfim, é o preço a pagar pelo sistema capitalista em que nos enredamos!

De Fernando Lopes a 19.10.2012 às 19:27

É um facto que estamos presos aos empréstimos à habitação. Não critico ninguém porque à época, pura e simplesmente não havia alternativa. Ou se comprava ou se comprava. Sou completamente leigo em legislação tributária, mas faz-me confusão esta situação em o todo é diferente da soma das partes.

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback