Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sardinha é marisco?

por Fernando Lopes, 4 Jun 12

 

Mesmo sem estar num estado "interessante", sou acometido de desejos súbitos. É o pecado da gula em todo o seu esplendor. Deu-me uma louca vontade de comer sardinhas assadas. Convenci a família e fomos até ao Senhor de Matosinhos para saciar a fome. Escolhi uma daquelas tasquinhas tradicionais, e toca de jantar. As sardinhas eram fresquíssimas, tão frescas que até já tinham estado congeladas. As meninas dividiram 1/2 frango, que, a bem da saúde financeira desta família, só eu sou possuidor de apetite voraz. Contas feitas, por 4 sardinhas, meia dúzia de batatas cozidas, um pimento, um jarro de vinho branco (estranhamente, sabia a 7 Up, mas vamos acreditar que continha algum vinho) e o atrás referido galináceo paguei  28,10 €. Irra! Da última vez que tinha jantado com a família, tínhamos comido francesinhas, camarões e santola por menos de 50 €. As festas populares são cada vez menos para bolsas populares. Sardinha, agora, é marisco.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

2 comentários

De O Abominável Careca a 04.06.2012 às 20:29

Nos dias que correm já nem o Senhor de Matosinhos lá vai...Será da crise ou do nacional chico-espertismo?!

P.S.: E quando quiseres comer umas sardinhas como manda o figurino aconselho-te o restaurante "O Valentim", não é barato mas vale bem a pena e de sobremesa pede o leite de creme queimado na altura, simplesmente inesquecível...;)

Um abraço e cuidado com as romarias!!!

De Fernando Lopes a 04.06.2012 às 21:31

A opção deveu-se mais a querer mostrar o ambiente à M.
Mas é um preço despropositado para a quantidade e qualidade da comida servida. Não me apanham noutra! :)

Abraço

Comentar post

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    Filipe, estou em dívida contigo. A vida não tem es...

  • Anónimo

    Já estava na iminência de pedir à PJ a emissão de ...

  • Fernando Lopes

    Gábi, não sou insensível ao drama da deslocação do...

  • redonda

    eu não vou chamar, nada primeiro porque estou muit...