Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Pequenas Coisas.

por Fernando Lopes, 26 Jan 17

cadela&eu.jpg

 

Talvez esteja a ficar velho, talvez sábio, provavelmente nenhuma das duas. Se é certo que cada vez mais me distancio do e de quem me não agrada, fechando-me numa concha, também encontro alegria nas coisas mais inesperadas. Perto do local onde trabalho existe um pequeno pomar – no resto do país chamam-lhe frutaria – onde vou buscar maçãs ou laranjas para o lanche da manhã. Por lá circulam duas pequenas cadelas que mimo sempre que posso. Hoje, saído para comprar cigarros, ao regressar, a da da foto correu para mim a solicitar o carinho da praxe. Aquela coisa do animal sair do seu conforto para me cumprimentar, comoveu-me. Dali saí a assobiar, feliz por encontrar afecto numa cadelita. Pequenas coisas ganham valor de revelação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • alexandra g.

    Sem,de todo - que fique claro, ao contrário daquel...

  • Fernando Lopes

    CC, tem alguma razão, mas apenas lhe posso falar d...

  • Fernando Lopes

    O toque pode ser uma forma de exprimir afecto, pod...

  • Fernando Lopes

    Há uma fronteira, muito vezes ténue, entre corteja...

subscrever feeds