Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Compreender a dinâmica da coisa.

por Fernando Lopes, 22 Dez 16

Estou ao balcão da confeitaria onde tomo o pequeno-almoço. Entre e sai gente apressada, comendo uma bucha antes de ir trabalhar. A patroa sai da caixa – gosto especialmente dos patrões que raramente saem da caixa – e dirige-se a uma rapariga brasileira que está a lavar louça do pequeno-almoço:

 

- Tens de ir às mesas, olhar para quem chega, compreender a dinâmica da coisa.

 

Sorrio para com os meus botões, o mundo do trabalho é igual em todo o lado. Antigamente bastava que entendesses a fundo do que fazias e o fizesses bem. Hoje é preciso que, complementarmente, dances conforme a música que toca, se possível com um sorriso. Na novilíngua chama-se «compreender a dinâmica da coisa».

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    Filipe, estou em dívida contigo. A vida não tem es...

  • Anónimo

    Já estava na iminência de pedir à PJ a emissão de ...

  • Fernando Lopes

    Gábi, não sou insensível ao drama da deslocação do...

  • redonda

    eu não vou chamar, nada primeiro porque estou muit...

subscrever feeds