Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Só recebemos postais de quem nos ama.

por Fernando Lopes, 25 Jan 15

postal de cuba.jpg

Em tempos não muito longínquos, amigos e família trocavam postais cada vez que iam de férias. Era coisa que dava trabalho, escolher o postal, escrevê-lo, selar e muitas vezes procurar local para o envio. Coisa morosa, mas um acto de amor. Aquela pessoa lá longe, dedicava-nos uma parcela das suas férias para dizer que gostava de nós. Recebi sexta este postal de Cuba, atrasado de três meses. Na verdade chegou muito a tempo, pois os afectos nunca chegam tarde.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • alexandra g.

    Sem,de todo - que fique claro, ao contrário daquel...

  • Fernando Lopes

    CC, tem alguma razão, mas apenas lhe posso falar d...

  • Fernando Lopes

    O toque pode ser uma forma de exprimir afecto, pod...

  • Fernando Lopes

    Há uma fronteira, muito vezes ténue, entre corteja...

subscrever feeds