Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Borderline.

por Fernando Lopes, 8 Nov 14

Há muitos anos foi-me diagnosticado um distúrbio de personalidade vulgarmente conhecido como bordeline. Caracteriza-se pela impulsividade, tendências agressivas, baixa auto-estima, oscilação entre a euforia e depressão, tendências suicidas, sensação de permanente vazio. As razões deste distúrbio foram assacadas a uma infância atribulada, uma sensação permanente de abandono por ter sido «desprezado» pelos pais e criado pelos avós. Se é verdade que esta negligência grosseira ainda hoje dói, certo é que tive uma infância sem grandes sobressaltos, o que me leva a especular se esta perturbação não será de algum modo inata.

 

Os comportamentos associados manifestam-se a espaços, sendo o mais comum a oscilação entre euforia e depressão. Ontem tive a felicidade de jantar com quatro mulheres fundamentais na minha vida: filha, mulher, e duas amigas que me são tão queridas que as visto como uma segunda pele. Comi, bebi, ri, disse disparates, discuti ideias, praguejei como uma peixeira do Bolhão. Estava eufórico, a explodir de alegria por estar ali com aquelas pessoas que tanto amo.

 

Hoje, quando acordei, a depressão. Senti que, uma vez mais, tinha sido excessivo, verborreico, despropositado. Tranquiliza-me que os amigos aceitem este excesso como parte de mim, vendo-o com bonomia, mas de algum modo sinto-me limitado na minha vida social. Quando estou com pessoas de quem gosto muito surge inevitavelmente esta torrente, que como uma catarse, me purifica. Sem mais, o que me vai na alma: obrigado por gostarem de mim, mesmo sendo este estranho tipo que vos atazanou a cabeça.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    O problema dos ruminantes são os gases, usei a vac...

  • Inês

    "mais ventosidades que uma vaca argentina"?! Já me...

  • Fernando Lopes

    Esta não é totalmente surda, ouve muito mal mas re...

  • alexandra g.

    Uma bela albina, poderia ser gémea da gata da minh...

subscrever feeds