Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Caminhar é preciso.

por Fernando Lopes, 12 Mar 14

Diagnóstico: crise hipertensiva e perturbações cardiovasculares, associadas a burnout. Nestes dias, contrariando os conselhos médicos tenho ficado por casa. Aproveitei para pôr as leituras em dia e de uma assentada devorei «Uma Mentira Mil Vezes Repetida» de Manuel Jorge Marmelo, «O Navio dos Homens» de Takaji Kobayashi, «Último Acto em Lisboa» de Robert Wilson e «O Anão» de Par Lagerkvist.

 

Como me tenho sentido melhor resolvi dar uma longa caminhada, seguindo o conselho do sr. dr., tentando andar rápida e ininterruptamente, abdicando de fumar no percurso. Fiz o download de uma app que conta os passos e distância percorrida. Aparentemente, devemos fazer dez mil passos diários para nos mantermos em forma. Objectivo quase conseguido: 1h 17 minutos de caminhada, 6,24 km percorridos em 8.834 passos.

 

A caminhada teve um sentido muito para além da saúde ou do percorrer as ruas da cidade; significou acima de tudo um lento reentrar na normalidade, sem crises hipertensivas, taquicardia ou ansiedade. Para quem precisa de caminhar, esta app dá uma motivação extra, ao traduzir em números o esforço feito. Isto vai! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    É a nossa obrigação, Inês. Impensável ter um anima...

  • Inês

    E o contente que eu fico por saber que há mais um ...

  • Genny

    O Natal está aí à porta. Começa a introduzir esse ...

  • Fernando Lopes

    João, a bicha é surda, foi um pequeno milagre o fa...

subscrever feeds