Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As eleições são divertidas.

por Fernando Lopes, 29 Set 13

As eleições são sempre muito divertidas, não tanto pelo acto em si, mas por todo o folclore que as rodeia. Apesar de sempre ter votado em Cedofeita, com a junção de freguesias parece que voto pelo Porto todo. É Cedofeita, Miragaia, Santo Ildefonso, São Nicolau, Sé e Vitória (ufff, que saudades do tempo em que era simples dizer o nome da nossa freguesia). A explicação para esta agregação é o contínuo histórico do centro da cidade, esquecendo-se as alminhas pensantes que de uma ponta à outra devem distar dez ou mais quilómetros. Eita, freguesia grandona.

 

O local onde voto é o meu antigo liceu, a cerca de mil metros, talvez um pouco mais, de casa. Resolvi ir a pé, guarda-chuva na mão e parka sobre o polo. A metade do percurso já transpirava como um cavalo. Tirei o casaco e fui por ali fora, bem no meio da chuva. Como todas as freguesias do centro da cidade, a população de Cedofeita é maioritariamente sénior, pelo que requer alguma paciência, tolerância e bonomia, votar.

 

Sexagenárias filhas arrastam gerontes munidos de bengalas, andarilhos e o diabo a quatro. Só me interrogo que estranha fé os move para aquele desconforto. Os reformados em fato domingueiro, as matronas gordas a rolarem para fora dos Mercedes, os penteados à lá Ferreira Leite, todos os tiques pequeno-burgueses da cidade estão ali em exposição viva. Parei um minuto à porta do velho Rodrigues de Freitas para apreciar o caos automóvel. É esta a tua gente, são estas as “forças-vivas” da tua cidade. É por isso que esta merda porra nunca corre bem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

subscrever feeds