Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O futuro escreve-se no feminino.

por Fernando Lopes, 25 Dez 12

Passados pouco mais de 2 anos, o purgatório encontra-se exactamente onde o imaginei. Um blogue pequenino mas participado, em que os leitores se sentem à vontade para criticar, partilhar, contra argumentar. Não julgam nem são julgados, dão de coração aberto a sua opinião. É isso que define este espaço onde em mais de 3.500 comentários, apenas tive de apagar um e porque insultava a minha mãe, uma senhora muito séria. Nesta troca de mimos entre mim e os leitores noto que a maioria dos que comentam são mulheres. Portugal sempre foi uma sociedade matriarcal e por muito que o macho latino urre e bata no peito, quem organiza o tecido social são as senhoras. Já era assim no tempo em que o meu bisavô, barbeiro de profissão, emigrou para o Brasil deixando à bisavó a tarefa de tomar conta das terras e dos filhos. Quase duzentos anos depois, esta idiossincrasia bem portuguesa permanece. Um vez defini carinhosamente as leitoras como "as minhas Marias da Fonte". São elas, numa bipolaridade de que só as mulheres são capazes, a frente de resistência ao poder enquanto organizam família e trabalho. São capazes da argumentação mais sofisticada e em simultâneo de um carinho quase maternal. Sem menosprezo para os amigos que por aqui passam, este blogue seria muito mais pobre sem a participação das mulheres. Estou pois cada vez mais seguro que o futuro se escreve no feminino.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

subscrever feeds