Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Viver sozinho.

por Fernando Lopes, 16 Dez 12

Cada vez um maior número de amigos opta por viver sozinho. Uns porque terminaram relações e querem manter um período de nojo antes de se abrirem à redescoberta do amor, outros porque não estão dispostos a abdicar do seu espaço e individualidade. Nunca vivi só e não sei se seria capaz de o fazer. Implica coragem chegar ao fim de um dia e não ter ninguém com quem partilhar. Deve ser necessário criar rotinas próprias e um certa autodisciplina de sobrevivência. Os que conheço nesta situação são todos profissionais bem sucedidos. Poder-se-ia pensar que se trata de workaholics, mas não é o caso. Falar da solidão dos amigos não é tarefa fácil, porque em quase todos denoto um conformismo e até secreto desejo que o seu mundo permaneça imutável. Não existe da minha parte nenhum tipo de julgamento até porque sou péssimo juiz dos que amo. Apenas constato um facto simples: muitos dos melhores de nós, seja qual for a razão, estão sozinhos. Num mundo de internet, facebook, comunicação instantânea, cada vez é mais difícil encontrar alguém com quem valha a pena partilhar os trapinhos. Ter um amor, viver com ele, exige uma enorme dose de tolerância, um bem que parece cada vez mais escasso mesmo entre os que me são queridos. Que encontrem a felicidade, seja qual for o caminho, é o que desejo. Eu, fracote encartado, não sobreviveria um mês. Só concebo a vida e o amor enquanto bens permanentemente partilhados. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    Um facto alegre, não deve cegar para os problemas ...

  • Anónimo

    Um desabafo triste num dia que, para mim também, d...

  • Fernando Lopes

    Obrigado, Henedina. Reúno uma qualidade essencial ...

  • Henedina

    E tenha...um bom dia!

subscrever feeds