Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Senso comum para spin doctors

por Fernando Lopes, 25 Set 12

O consumo cai. A receita fical diminui. Aumentam-se os impostos. O consumo retrai ainda mais. São necessários mais impostos, and so on... Esta coisa elementar não entra na cabeça da catrefada de assessores que povoam o governo. A partir de determinado momento, o aumento de impostos, em vez de contribuir para a resolução da dificuldade, passa a constituir um problema adicional. Os economistas conhecem bem o ponto em que o aumento de impostos deixa de ser solução. Chamam a este fenómeno, curva de Laffer. Solução: renegociar com os credores prazos e juros sob a constatação de que com uma posição insensível aos problemas do mutuário perderão pau e bola. Chama-se reestruturação e é usada por boa parte dos bancos para evitar insolvências. Não é um bicho de sete cabeças, é apenas senso comum. Assegura que o credor vai receber o seu dinheiro, embora não nos prazos e taxas de juros que idealizou. Estas pérolas de sabedoria popular servem aos que andam a roçar o rabo pelas cadeiras da assessoria. Precisamos de mais tempo. Por enquanto, ainda não precisamos de mais dinheiro. Mas só por enquanto. It's common sense, dudes!

 

 

P.S. - Esta luminária descobriu agora o que eu e muito outros andamos a dizer há mais de um ano; é necessário muito mais tempo e juros infinitamente mais baixos para sermos capazes de cumprir o serviço da dívida sem que ela nos sufoque. Não culpa as políticas de "ir além da troika", mas a própria. É sempre enternecedor ter um "idiota útil" para aliviar consciências.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Anónimo

    Tenho é que me manter nova:)~CC~

  • Fernando Lopes

    Isto era eu... :)

  • Anónimo

    Venha e será recebida de braços abertos. Vamos com...

  • Anónimo

    Plantei uma árvore, tive uma filha e escrevi um li...

subscrever feeds