Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Nascidos com areia nos olhos

por Fernando Lopes, 4 Abr 12

 

Na França, em momento pré-eleitoral, reacende-se o medo do islamismo. Quem se interessa pelo "povo azul" (nome que se deve não à cor do vestuário como erradamente se lê na Wikipédia, mas antes ao facto de, com a transpiração, os tintos índigo passarem para a pele como tatuagem indelével), sabe que não existem fidelidades religiosas ou outras, apenas as de clã. São homens livres que não defendem nada mais do que os seus interesses. Ladrões oportunistas, esclavagistas, solidários com os seus e cruéis com os demais, as análises da imprensa francesa, sob o pressuposto de uma ética ocidental, não são de todo convincentes. Os tuaregues não pertencem a nenhum país, a  nenhum movimento, embora possam gravitar oportunisticamente ao sabor da Al-Qaeda  ou qualquer outro movimento, islamita ou não. Foram mercenários na Líbia, actualmente dominam a mítica cidade de Timbuktu. Uma situação confusa, um golpe de estado, um povo que desconhecemos. Mas que, apesar de tudo, exerce sobre mim um enorme fascínio. São dos últimos verdadeiramente indomáveis à face da terra.

 

 

Para tentar saber mais pode ler aqui, aqui e aqui. A qualidade das análises é NMHO, mais do que duvidosa. Mas é o que temos...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Genny

    Fico sempre com uma sensação de impotência.

  • Fernando Lopes

    Um facto alegre, não deve cegar para os problemas ...

  • Anónimo

    Um desabafo triste num dia que, para mim também, d...

  • Fernando Lopes

    Obrigado, Henedina. Reúno uma qualidade essencial ...

subscrever feeds