Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Greve a destempo (ou a cegueira do Arménio)

por Fernando Lopes, 16 Fev 12

Num momento em que o desemprego cresce a olhos vistos, os rendimentos do trabalho baixam brutalmente, a pressão nas empresas é enorme, esta convocatória de nova greve geral demonstra quão desligados da realidade estão os camaradas da CGTP-Intersindical. Já não é uma questão de coragem, é uma questão prática. O PC no seu melhor ou o dogmatismo a fazer o jogo do inimigo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tensão

por Fernando Lopes, 16 Fev 12

Incompetente para fazer análise sociológica, limito-me a reconhecer na sociedade portuguesa sinais de tensão. Jantar de amigos, uma conversa despretensiosa sobre política e o momento económico e social que o país vive. A troca de ideias, normalmente cordata e recheada de momentos de humor, resvalou rapidamente para o debate acalorado e posterior gritaria. Entre os que defendem a pobreza purificadora de Coelho e Gaspar e os que estão ideologicamente nos seus antípodas, o verniz estalou. Tudo foi rapidamente sanado, mas demonstrativo do mal-estar e conflitualidade que percorre a sociedade, transversalmente. O mito dos "brandos costumes" cada vez mais abalado, trágico indício de uma explosão social eminente.

 

P.S. - Escrevi este post antes de tomar conhecimento do "recuo estratégico" de Cavaco e da necessidade de "guarda-costas". A angústia cresce e com ela a agitação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    Filipe, estou em dívida contigo. A vida não tem es...

  • Anónimo

    Já estava na iminência de pedir à PJ a emissão de ...

  • Fernando Lopes

    Gábi, não sou insensível ao drama da deslocação do...

  • redonda

    eu não vou chamar, nada primeiro porque estou muit...

subscrever feeds